quinta-feira, 29 de janeiro de 2015

E nisto já não me lembro da tua voz, do teu cheiro, do teu sorriso. Mas lembro-me de ti, do que custou deixar isso e do que gostei.

Sem comentários:

Enviar um comentário